sábado, 23 de março de 2013

QUISERA EU

Quisera eu ter a força da natureza
A beleza da chuva
Ser sábio quanto Salomão
Sentir a dor dos aflitos

Quisera eu ter visão de águia
Contemplar o mar durante às manhãs
Ser o anestésico para tantas dores
Dar voz para quem não a tem

Quisera eu viver em harmonia com todos
Meditar na tua lei de dia e à noite
Ter um mundo livre de todo mal

Quisera eu desvendar os mistérios da vida
Ser capaz de extinguir preconceitos
Cicatrizar as feridas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário